No dia 21 de março é celebrado o Dia Internacional da Síndrome de Down em alusão à trissomia existente no cromossomo 21 de pessoas diagnosticadas com a alteração genética. Nesta data, a emocionante produção independente Cromossomo 21 chega às principais plataformas digitais de streaming de vídeo no Brasil, como Looke, VIVO Play e NOW.

Com menção honrosa no Festival de Cinema de Gramado e eleito melhor filme pelo voto popular no Festival Internacional da Mulher em Punta Del Este, a trama tem como sua protagonista (Vitória) a atriz Adriele Lopes Pelentir, que possuí síndrome de Down.

Vitória é uma garota como todas as outras. Cursa o ensino superior faculdade, faz aulas de piano e também pratica natação. Contudo, ao possuir um cromossomo a mais em sua genética faz com que a jovem apresente uma única diferença das demais pessoas com quem convive, que é a síndrome de Down.

Após evitar o atropelamento de Afonso (Luís Fernando), um jovem rapaz sonhador sem a síndrome, começam uma relação de amizade que segue evoluindo até que os dois se apaixonam. O envolvimento desperta em Vitória sentimentos e desejos, como sua independência e sexualidade. Entretanto, por vivenciarem um relacionamento entre uma pessoa com a síndrome e outra não, precisam enfrentar julgamentos e situações delicadas implicadas pela sociedade.

Dirigido por Alex Duarte, traz em seu elenco Adriele Pelentir, Luís Fernando Irgang, Marisol Ribeiro, Deborah Finochiaro, Susy Ayres, Fernando Barbosa, Fernanda Ávila, Nêmora Cavalheiro, Saulo Meneguetti, Patrícia Marques Fernanda Honorato e Tatiana Monteiro.

Disponível no Looke  para aluguel e aquisição digital, o filme está para locação por R$ 9,99 e R$ 29,99 para compra.

 

Ficha técnica

Cromossomo 21 – Direção: Alex Duarte. Elenco: Adriele Pelentir, Luís Fernando Irgang, Marisol Ribeiro, Deborah Finochiaro, Susy Ayres, Fernando Barbosa, Fernanda Ávila, Nêmora Cavalheiro, Saulo Meneguetti, Patrícia Marques Fernanda Honorato e Tatiana Monteiro. A partir de R$ 9,99 (VOD) e R$ 29,99 (EST). Duração: 91 minutos.

 

Escrito por