O longa coreano Parasita fez história no Oscar de 2020 ao se tornar o primeiro filme a receber tanto o prêmio de Melhor Filme quanto o de Melhor Filme Internacional (esta última categoria que já teve outros nomes, como Melhor Filme Estrangeiro e Melhor Filme em Língua Estrangeira). Relembrando esse grande feito, montamos no Looke uma lista especial com 5 filmes que levaram pra casa essa estatueta de melhor obra falada em língua não-inglesa. Além de Parasita, que venceu em 2020, assista a O Segredo dos Seus Olhos (vencedor em 2010), e aos grandes clássicos do cinema A Fonte da Donzela (1961), Orfeu do Carnaval (1960, uma coprodução brasileira), e A Estrada da Vida (1957). Confira todos os filmes, seus diretores e seus países de origem:

 

  • Parasita (Coréia do Sul | Suspense, Drama, Comédia) – Toda a família de Ki-taek está desempregada, vivendo num porão sujo e apertado. Uma obra do acaso faz com que o filho adolescente da família comece a dar aulas de inglês à garota de uma família rica. Fascinados com a vida luxuosa destas pessoas, pai, mãe, filho e filha bolam um plano para se infiltrarem também na família burguesa, um a um. Direção: Bong Joon Ho.

 

  • O Segredo dos Seus Olhos (Argentina | Drama, Romance) – Após trabalhar a vida toda num Tribunal Penal, Benjamín (Ricardo Darín) se aposenta. Seu tempo livre o permite escrever um romance baseado num acontecimento que vivera anos antes. Em 1974, foi encarregado de investigar um violento assassinato. Ao escavar velhos traumas, Benjamín confronta o intenso romance que teve com sua antiga chefe, assim como decisões e equívocos passados. Com o tempo, as memórias terminam por transformar novamente sua vida. Direção: Juan José Campanella. Grátis para assinantes do Vídeo Club.

 

  • A Fonte Da Donzela (Suécia | Drama, Clássico, Policial) – Os pais de uma menina de 15 anos a encarregam de levar velas à igreja do vilarejo. No caminho, abordada por camponeses, a garota não volta para casa. Por ironia, ao cair da noite, seus algozes buscam abrigo na casa de seus pais que, ao descobrirem o destino da filha, só pensam em vingança. Direção: Ingmar Bergman. Grátis para assinantes do Vídeo Club.

 

  • Orfeu do Carnaval (França | Brasil – Clássico, Drama, Fantasia, Musical) – No Carnaval, Orfeu, condutor de bonde e sambista do morro, se apaixona por Eurídice, uma jovem do interior que vem para o Rio de Janeiro fugindo de um estranho fantasiado de Morte. O belo amor de Orfeu por Eurídice, no entanto, desperta a ira da ex-noiva do galã, Mira, e a Morte acompanha tudo de perto. Direção: Marcel Camus.

 

  • A Estrada da Vida (Itália – Clássico, Drama) – Gelsomina é vendida pela mãe para o brutamonte Zampanò, estrela de um número em que arrebenta correntes amarradas em seu corpo. A jovem auxilia Zampanò e passa a também ser apresentar como palhaça, seguindo o estilo de Chaplin. A garota é constantemente maltratada pelo homem, que ainda a agride sempre que tenta fugir. Quando os dois se juntam a um circo, Gelsomina fica encantada com Bobo, provocando ciúmes em Zampanò. Direção: Federico Fellini. Grátis para assinantes do Vídeo Club.

 

Escrito por